Páginas

7 de mar de 2012

Série: Unforgettable

Essa é uma série nova, ainda nem acabou a primeira temporada. Mais uma série policial, e nesse sentido não tem muitas novidades não. Os casos até agora não tiveram grande importância.
Mas a série é boa, pelo simples fato que os personagens são complexos o suficiente para você querer saber sempre mais.
A personagem principal, Carrie, é uma mulher com um trauma de infancia - a irmã foi assassinada na sua frente, e ela nunca conseguiu resolver o caso. É praticamente o único furo na memória dela, que sofre daquela "doença" em que simplesmente lembra de tudo, dos mínimos detalhes que aconteceu em sua vida - dai o nome da série, 'Unforgettable' ('Inesquecível' em português). Mas o fato dela lembrar de tudo, permite que ela seja uma detetive fora do comum, pois ela pode revisitar a cena do crime várias vezes, e percebe detalhes que muitas vezes passam despercebidos no primeiro olhar.
Outro personagem interessante é tenente, responsável pela equipe, ex amante da Carrie. O tenente Al Burns - tinha uma noiva, mas que anda meio sumida nesses últimos episódios - mudou da cidade em  que era detetive com junto com a Carrie, se mudou para a cidade grande, e no primeiro episódio, recruta Carrie a voltar a equipe policial (ela tinha saído pois não consegue esquecer as cenas de assassinatos que vê com o trabalho, e começou a ficar meia doidinha correndo atrás do assassino da irmã). A história dele ainda não foi muito bem contata, mas imagino que alguma coisa maior aconteceu no rompimento deles, e como em toda a boa série, ainda rola uma tensão sexual entre eles.
Da equipe, gosto do casal Sanders e Tanya. Ela é a nerd que recupera todos os dados digitais e acha os sinais de telefone e tudo necessário para acharem os assassinos, e ele é um detetive da equipe, no começo bem curioso sobre as habilidades da Carrie, mas que depois fica descontraído e divertido. Esse casal dá um ar mais leve a série, quase cômico, mas no limite para ser aquele casalzinho que você torce para ficarem juntos.
É uma série muito nova, os personagens ainda estão encontrando seu lugar. Não tem um assassino com o 'Red Jonh' de 'The Mentalist' e nem é uma comédia... é uma série policial, bem receita de bolo.
Se você curte esse tipo de série, vale a pena conhecer. Tem bastante potencial, se eles diminuírem a importância dos casos resolvidos, e se focarem em nos contar a história dos personagens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário